Astur completa 30 anos de trajetória dedicados ao turismo pernambucano

Pernambuco é uma terra rica em manifestações culturais, do litoral ao sertão, e isso não é surpresa para ninguém. O estado encanta quando o assunto é potência turística, mas nem sempre os olhos estiveram voltados para essa beleza de canto a canto. Foi em meio à esse cenário que a Associação das Secretarias de Turismo de Pernambuco (Astur) surgiu e construiu um importante capítulo na história do turismo pernambucano. A Astur, organização sem fins lucrativos, que atua no terceiro setor, foi fundada em 20 de abril de 1990. Mas o que pensavam vinte e dois agentes políticos, reunidos, com o objetivo de congregar os secretários municipais de turismo de Pernambuco, há 30 anos atrás? União e força em prol do coletivo são características orgânicas da essência pernambucana, e a Astur não poderia contar com ingredientes mais especiais para unir municípios pernambucanos numa missão que eleva todos em si, e, ao mesmo tempo, todos enquanto Estado, a melhoria do turismo. O sonho deu certo. A Astur se transformou numa verdadeira escola de qualificação do turismo pernambucano, promovendo suporte intelectual e técnico, além de incentivo aos municípios através de networking, troca de experiências, oportunizado por meio dos encontros estaduais e setoriais, que oferecem minicursos, oficinas, feiras, congressos, e palestras ministradas por autoridades na área. A associação promoveu, ao longo desses 30 anos, uma conexão de ideias e ações, nunca antes realizada no setor do turismo no Estado. A perspectiva de enxergar o turismo mudou. A ideia de que turismo não é só praia e mar, e que o interior também possui muitas belezas, é compartilhada por todos. A Astur valorizou e abraçou todo o território, o povo, e a história de Pernambuco. A associação se tornou uma referência no terceiro setor por trabalhar a riqueza e a abundância de manifestações de Pernambuco de forma responsável, sustentável e colaborativa. A sua missão e ações corroboram tal feito. São 160 municípios interligados, de todas as regiões de Pernambuco, juntos, fortalecendo o turismo do estado. A credibilidade da instituição pode ser medida pela parceria com importantes instituições como Governo do Estado de Pernambuco, Empetur, Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer, Fundarpe, Secretaria de Cultura, Confederação Nacional de Municípios (CNM), Associação Brasileira de Turismólogos e Profissionais do Turismo (ABBTUR), Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), Uninassau, Sebrae PE, Instituto Federal Pernambucano e Universidade Federal de Pernambuco. Apesar de desenvolver um trabalho em escalas municipais e estadual, a instituição não deixa de impactar de forma significativa em cadeia nacional, com o que, até então, era a atividade do setor terciário mais promissora do país. O turismo não é simplesmente o “viajar”, é um processo complexo que envolve muitos sonhos, empregabilidade, profissionalismo e tecnicismo. Os 30 anos de luta da Astur, coincide, portanto, com o maior desafio para a indústria do turismo no país, a pandemia do novo Coronavírus, que será enfrentado, mais uma vez, com duas virtudes tipicamente pernambucanas, garra e bravura.


Fonte: Aguida Guimarães

Copyright © 2017 - verasoutomaior.com - Todos os direitos reservados

Desenvolvido por Viva Comunicação PE